Comendo A Mulher Do Amigo

 Ola e meu primeiro conto que vou relatar hoje… Meu nome e Juninho (fictício) tenho 17 anos, 1,60 altura meio forte e troncudo… O ocorrido foi assim eu trabalhava em um bar da minha família e La sempre freqüentava um amigo meu e a mulher dele, mas de vez em quando a mulher dele ia sozinha…  O nome dela era Silvia (fictício) tinha 35 anos 1,75 altura ruiva… Em certo dia desses que ela foi tomar uma cerveja eu percebi uns olhares dela para mim eu já percebi e fingi de bobo. e continuei trabalhando…  Próximo do final do expediente fui ao banheiro na hora que eu saio do banheiro quem esta na porta ela. fingi de bobo e dei uma em cochada nela falei perto do ouvido dela mas q delicia ela deu uma risadinha … continuei a trabalhar como se nada tivesse  acontecido daí meu tio falou pra eu tomar conta do bar que ele ia ter que sai daí eu falei q ficava daí se passaram 2 horas  e o movimento foi ficando  fraco, pois já uma da manha daí eu encostei-me ao balcão e fiquei olhando para os seios e a xota dela para ela perceber… Daí ela falou quer ver daí eu nem respondi ela já foi colocando os peitos pra fora, pois ela usava um tomara q caia e foi fácil de tirar daí eu falei pra ela encostar mais no balcão e já apalpei os peitos dela e dei uma lambida nos biquinhos dos seios q estavam acesos… Daí ela mostrou a pontinha da xota eu já fiquei louco q queria fechar o bar e fuder ela… Daí na hora q eu já ia fechar meu tio chegou, ai eu falei tio segura as pontas ai q eu vou ali ao deposito, buscar, mas cerveja pra colocar pra gelar q as que estão no freezer está quase acabando… O deposito tinha um corredor ao lado do bar daí eu fiz um sinal para Silvia sem meu tio perceber… Fui para o deposito passou cinco minutos chegou Silvia eu já fui logo a agarrando e tirando a roupa dela e chupando os seios dela e a xota e ela pedindo ? me fode gostosão come minha xota e meu cuzinho… Daí eu já falei e isso q vc quer cadela então toma… Botei primeiro no cuzinho q era apertadinho ela já foi logo gritando daí eu falei tu n queria piranha agora vou encher teu cuzinho de porra. Enchi o cu dela de porra daí botei na xota e fiquei bombando ate ela gozar ela ficou ate com a perna bamba. Depois eu gozei e no deposito tinha uma ducha daí fomos para ducha e La teve mais uma fodinha daí depois voltei pra trabalhar… Tenho mais outro dia eu conto

Contos relacionados

Um Fetishe Alucinante I

Um fetishe alucinante I Olá para todos. Meu nome é Dau, casado, 1m71 e estou hoje aqui para contar uma história que aconteceu comigo há uns dias atrás. Eu sou fascinado por alguns fetiches, entre eles mulheres fumantes, saltos, meias e sinta...

Chifre Ciúmes E Suruba Em Caldas Novas

Chifre ciúmes e suruba em caldas novas Algo que eu tenho para contar foi em um sábado , pois ate hoje tenho raiva de caminhonete F250. Eram 10 horas da manhã eu sai na minha moto para receber uma divida,chegando La recebi R$300,00 e quando...

A Bela Morena E Sua Manorada

Ola amigas e amigos teste site de contos eróticos, venho contar mais umas de minhas aventuras, mas deixa eu me apresenta para os que não leu minhas historias anteriores, sou Morenoalto37, trabalho em uma grande empresa de Logística em Belém-Pa, tenho 46...

Irmão Perfeito

Irmão perfeito Olá, meu nome é Gabriela, e moro no interior do Rio Grande do Sul. Bem, sou morena, cabelos pela cintura, magra, bumbum médio e seios grandes. Minha mãe se casou recentemente com meu novo padrasto, o qual tem dois filhos,...

O Dia Que Perdi O Cabaço

Oi, meu nome é fredy, vou contar a vocês o dia em que perdi o cabaço do meu cú. Tenho  cabelos pretos, tenho um corpo normal. . Estava conversando com um amigo chamado Andre , super safado,que ficava falando que eu tenho a bunda gostosa aquilo estava...

O Homem Da Minha Mãe é Meu Também

Olha pessoal Antes de ter coragem de contar o que ocorreu, procurei muitos sites de contos e vi que o que eu fiz é muito comum. Na época eu me senti culpada, apesar de ter gostado muito. O texto que se segue é verídico e...