Primeira vez no ônibus

PRIMEIRA VEZ NO ÔNIBUS

Mais um dia de faculdade e eu ali cansada na parada do ônibus esperando o mesmo chegar e ainda tinha mais duas horas de viagem, pois morava a 60 km da capital e todos os dias assim era minha rotina diária.

Porém um dia ao entrar no ônibus dei de cara com o Lindomárcio, um ex- ficante de alguns anos atrás. Fiquei boquiaberta, pois fazia mais de ano que não o via. Chamei ele para sentar comigo na parte detrás do ônibus para conversamos.

Ele era branco, olhos castanhos claro, 1,78m, magro com o corpo bem definido, uma delícia de homem. Imediatamente minha mente voltou ao passado e lembrei-me das vezes que tranzamos.

Sentamos e começamos a conversar, perguntando sobre a vida um do outro. Depois começamos a falar do nosso passado e ele perguntou se eu não gostaria de lembrar o passado, respondi:

– Claro que sim.

Nos beijamos, num beijo forte, intenso, molhado e profundo. Sua língua quente percorrendo minha boca me deixou excitada e  naquele momento quis logo sentir o seu membro. Como estava só nós dois na parte detrás do ônibus aproveitei e coloquei minha mão sob sua calça para sentir. Estava completamente duro, fiquei com uma louca vontade de senti-lo em minha boca. Ainda continuava só nós dois na parte detrás do ônibus. Baixei seu zíper e em seguida baixei também coloquei todo aquele membro branco e rosado em minha boca, fiz vários movimentos, passei a língua na cabeça e em todo o seu cumprimento… ai que delícia… como o tesão estava a flor da pele ele gozou…

Quando chegamos ao nosso destino ele falou que o carro estava na garagem da empresa e perguntou se eu queria descer com ele para pegar o carro e irmos há algum lugar. Aceitei na hora.

Descemos na garagem da empresa de ônibus, ele foi até a recepção e na volta eu disse sem más intenções:

– Com esse ônibus aí parado dava certinho para uma tranza bem gostosa.

Ele me olhou e perguntou se eu tinha coragem e respondi que sim.

Não perdeu tempo, pegou minha mão e me levou até o
ônibus.

Não fiquei preocupada, porque a garagem estava escura e não havia ninguém só o segurança na recepção, mas não havia me visto.

Entramos no ônibus e ele me beijou loucamente mordendo meus lábios, apalpando minha bunda, meus seios.

Eu me encontrava em êxtase total, tanto que estava toda umedecida por aquela aventura. Seu pau estava duro, babando de toda a agarração no ônibus.

Ele sentou na poltrona baixou minha calça e me colocou sentada em cima dele, que prontamente comecei a cavalgar bem gostoso em sua pica e enquanto eu pulava e rebolava, ele levantou minha blusa e começou a chupar meus seios que estavam duros de tesão. Ao mesmo que fodíamos ele batia na minha cara, chamando de cachorra e dizendo… vai fode nesse cacete, mata a saudade dele bandida…. Eu mexia os quadris rapidamente, chegando ao ápice junto com ele que gozou urrando baixinho num tesão louco e eu senti aquele jato gostoso e quente em minha buceta.

Essa foi a primeira vez de muitas que tranzei com Lindomárcio nos ônibus da empresa.

Esperem que em breve terá mais….

Contos relacionados

Era Corno E Não Sabia Mas Gostei

Era corno e não sabia mas gostei Era corno e não sabia, mas gostei Um dia eu chego em casa e minha mulher diz que tem uma coisa muito importante para me contar, que era urgente e que ela não conseguia mais me esconder. Fiquei meio...

Uma primeira vez de qualidade.

Apenas uma caminhada.   Era agosto e eu tinha acabado de ser pedida em namoro, imagina a alegria? Ao entardecer proponho uma caminhada para conversarmos melhor, nos distrair. Até que ele lembra do fato de eu conhecer um local escuro e que sabendo a...

Sexo No Shoping

0 que vou relatar da forma mais fiel possível, aconteceu a cerca de uns 12 ou 13 anos atras. Conhecei pelas salas de bate papo uma mulher que vamos chamar aqui de Ana. Casada e com filhos como eu namoramos pela telinha durante um bom tempo e ela me...

Minha Mulher, Eu E Nosso Amigo ( Real )

Somos um casal de 50 anos, sempre desejei ver minha mulher com outro, mas ela nunca aceitava. Certa vez conversando com um velho amigo por telefone, ele me contava que estava vivendo um momento difícil, sem mulher, sem grana, havia vendido o carro prá pagar...

Multa Por Excesso De Velocidade

Morávamos no interior, Robson, Jonas e eu éramos amigos de infância e só nos distanciamos quando eu fui estudar na capital, levei algum tempo para voltar a minha cidadezinha e quando voltei, vi que muita coisa havia mudado. Saímos no meu carro para...

Exibicionismo De Uma Esposa Recatada Na P

 EXIBICIONISMO DE UMA ESPOSA RECATADA NA PRAIA bom pessoal! o que vou relatar agora é uma estória real que aconteceu comigo e minha esposa numa viagem que fizemos à praia. Somos de mato grosso,estamos na casa dos trinta anos me chamo Marcos e sempre...