Jake

Bom, Jake é minha prima!

Ela é um ano mais velha que eu, uma morena linda, magrinha, olhos castanhos, bunda redondinha, durinha e perfeita, peitos grandes, bem redondinhos, macios e lindos…

Certo dia ela veio nos visitar, porém todos haviam saído e estava apenas eu em casa, eu expliquei para ela e ela resolveu esperar!!

Eu ainda não havia reparado na roupa que ela estava usando, até a hora em que ela entrou…

Um shortinho curtinho e folgado e um tomara que caia, meu pau respondeu na hora. kkkk

Quando ela subiu as escadas, pude ver a bunda dela praticamente inteira, e quando prestei mais atenção, percebi que ela estava sem calcinha e comecei a olhar mais ainda, não parava de olhar até que o shortinho dela subiu um pouco e eu consegui ver a buceta dela…

Meu coração foi a mil e meu pau parecia que ia explodir de tanto tesão…

E então ela percebeu:

Não acredito que vc tá olhando por dentro do meu shorts!!

Eu tentei negar mais ela disse:

Não mente!! É só olhar pro seu pinto que não tem como negar!!

Ela então entrou um pouco brava pra dentro de casa…

Então eu fui falar com ela:

Jake desculpa, eu não consegui controlar, sempre sonhei com vc!! Eu tava meio que realizando um sonho!!

Ela não disse nada, então fui pra sala mexer no computador!!

De repente,olho para trás e me deparo com a Jake se masturbando!!

Meu pau ficou duro na hora, mais fiquei com medo de tentar alguma coisa, então fingi que não tinha visto nada e continuei mexendo no pc, foi aí que veio a surpresa…

Ela veio e sentou no meu colo e disse:

Deixa eu vê oque vc tá fazendo?

Eu respondi:

Claro mais oque eu queria na verdade era transar com vc!!!

Então ficou um ar de silencio na sala, meu coração foi a mil, e ela respondeu:

Tá bom, eu tava louca pra fazer isso com vc também!!

Então ela foi tirou a camisa e o sutiã e sentou no meu colo, eu beijava aquela boca linda e gostosa dela, enquanto pegava nos peitos dela, depois resolvi chupa – los, que sensação maravilhosa chupar aqueles peitos, alem de serem grandes, eram macios e num formato perfeito, o biquinho do peito dela era maravilhoso, era tão gostoso que não dava vontade de parar…

Então ela ajoelhou, tirou meu pau pra fora e começou a fazer um boquete delicioso, eu sentia cada passada de língua que ela dava no meu pau, ela colocava só a cabeça na boca e ficava sugando, aquilo dava muito tesão, chupava minhas bolas com vontade, eu até me arrepiava quando ela fazia isso…

Então eu falei:

Melhor a gente transar por que se continuar assim eu não vou aguentar!!!

Fui coloquei ela no sofá tirei o resto da roupa dela, abri as pernas dela e comecei a chupar aquela buceta linda, carnuda, lisinha, cheirinho de chiclete, e vermelhinha por dentro, cada chupada que eu dava ela se contorcia, e só de sentir os lábios daquela buceta linda na minha boca, parecia que eu estava no paraíso…

Ela então disse:

Vai que eu to quase gozando começa a meter logo!!!

Eu então encaixei meu pau na buceta dela e comecei a meter, tava quentinha, os lábios da buceta dela vinham e iam junto com meu pau…

Ela então me pediu pra ir mais rápido, eu comecei a meter mais rápido, dava varias bombadas até que ela desse:

Vai mete, mete… Aí to gozando vaaaiiiiiii….

Quando fui ver ela tava tendo um orgasmo monstro, ela se contorceu inteira, parecia que ia ter um treco… kkk

Quando ela voltou pra sí, já coloquei ela de quatro amarrei minha mão no cabelo dela e voltei a meter na buceta dela, comecei a dar bombadas mais fortes e ela gemia muito….

Então eu pedi pra ela deixar eu comer o cuzinho dela e eu fiquei surpreso com a resposta:

Tá bom, só não vai gozar lá dentro, quero seu gozo na minha boquinha…

Aquilo me excitou demais, eu então fui encaixei meu pau no cuzinho dela e comecei bem devagarzinho, pegando na cintura dela, aí comecei a ir mais rápido, quando eu vi que ela tinha se acostumado, amarrei minha mão de novo no cabelo dela e comecei a dar varias bombadas rápidas e fortes…

Era maravilhoso sentir aquele cuzinho apertando meu pau, cada piscada que ela dava parecia que meu pau ia explodir, então fui parei e mandei ela cavalgar um pouco…

Deitei no chão, ela veio por cima, encaixou meu pau na buceta dela e começou a cavalgar, era muito gostoso a rebolada que ela dava , era uma delicia, então fui segurei a bunda dela e comecei a meter com muita velocidade…

Eu já não estava mais aguentando, mais não queria parar, e enquanto metia na buceta dela, ficava passando o dedo fazendo carinho no cuzinho dela, ela chegava a se arrepiar…

Até que não aguentei mais e avisei que ia gozar!!

Ela se ajoelhou, abriu a boquinha e se preparou pra ganhar o leitinho dela!!!

Eu fui e jorrei porra no boquinha linda dela…

Ela foi me olhou e engoliu tudinho, depois ainda ficou me chupando pra não perder nada da minha porra!!!

Quando ela terminou eu tava acabado e disse:

Caramba Jake você me deixou acabado, foi muito gostoso transar com você!!!

E ela respondeu:

É que já fazia um tempo que eu queria isso mais tinha vergonha de falar pra você, mais agora sempre que eu tiver com vontade vou falar com você!!!!

Eu respondi:

Fala sim, qualquer dia, qualquer hora!!!

E assim termina mais uma historia!!!

Quer saber como continua?

Fica ligado!!!

Contos relacionados

Gaby E Eu (Filha)

Gaby e Eu (Filha) Olá me chamo Nilson, tenho um corpo no peso ideal forte. Vou contar como tudo aconteceu "gostaria de lembralosque nunca senti nem um tipo de prazer por minha filha até então, era um tarde de verão de '2009' quando eu e minha...

Como Fiz Pra Seduzir Meu Filho

Como fiz pra seduzir meu filho Conto de Mayara Nascimento Depois de quinze anos de casada  e com seis filhos meu marido saiu de casa depois que descobri que eu era chifrada, que ele tinha mais três mulheres e todas tinham filhos com ele. Depois de dar...

Angelina?

Todas as sextas o pessoal se reuniam num barzinho em frente a faculdade, juntávamos duas ou três mesas e ficávamos horas bebendo e jogando conversa fora. Quase sempre essas conversas se tornavam polemicas com os temas abordados e nessa ultima sexta quem...

Comi A Casada De Curitiba Outra.

Sou de Curitiba e publico algumas histórias que vivo com permissão das pessoas que me envolvo, assim, a pedido de Clara e Nando (nomes fictícios), estou escrevendo nossa aventura. Recebi um e-mail de Nando, perguntando se meus contos era real e gostaria...

Tirando Um Cabaço Numa Tarde Chuvosa

Tirando um cabaço numa tarde chuvosa (Baseado em fatos reais, inclusive os nomes são verdadeiros) Eu fui levado pelas circunstancias, a sair da minha cidade. Era uma pequena cidade no interior, onde eu levava uma vida muito boa. Ganhava meu...

Sufocante Desejo!

Sufocante Desejo! Era Julho, começava nossas férias, eu junto com meu irmão optamos por passarmos 12 dias na casa da Malu, nossa tia materna que sempre nos cobrava para que fôssemos passar alguns dias com ela, já que nossos primos agora moravam...