Festa da Faculdade

Observação inicial: Tudo completamente ficticio.

•••

Sou Isabella, tenho 18 anos e moro no Rio de Janeiro. Era minha segunda semana na faculdade quando me convidaram para uma festa que a galera de mediciana havia organizado. Obviamente eu aceitei já que tinha poucos amigos e não conhecia muito gente no campos.

Era um sabado a noite e eu cheguei no clube onde haviam marcado. Eu estava sozinha pois nenhum dos meus amigos foram. Fui para o bar e peguei uma bebida nao alcoolica ja que eu voltaria sozinha. Um rapaz muito bonito, alto, moreno de pele clara e olhos escuros sentou ao meu lado.

— Oi, festa meio parada não é? — Ele disse.

— Sim, realmente. — Eu sorri.

— Qual seu nome gata?

— Isabella e o seu? — Perguntei

— Vinícius. Que tal irmos la pra cima animar as coisas?

Eu ja sabia que tipo de conselho era aquele e claro, aceitei. Fazia um tempo que eu não transava com ninguém.

Eu levantei e ajeitei meu vestido preto que era curto, ele batia nas minhas coxas. Eu era ruiva, olhos verdes, branca, magra e baixa.

Vinícius estendeu sua mão para mim e eu a segurei. Fomos para o segundo andar pela escadas. Entramos em um quarto vazio e ele trancou a porta.

Fuu jogada na cama com força. Retirei meus saltos e vi ele tirar sua camisa. Vinícius ficou por cima de mim e nos beijamos violentamente. Senti meu corpo todo ficar quente. Eu gostei bastante daquilo.

Ele foi descendo os beijos ate meu pescoço, deixando chupões. Senti ele rasgar meu vestido e tirar meu sutiã e calcinha. Fiquei totalmente pelada. Ele tirou o resto de roupa que tinha.

Vinícius chupou meu peito, me fazeno gemer alto. Senti seus dedos descerem até minha buceta, ele enfiou dois dedos de vez sem piedade alguma e os forçou para dentro.

— V-vini! — Gemi alto.

O homem continuou forçando e forçando, me fazendo gritar. Eu estava prestes a gozar, quando ele tirou o dedo e desceu beijos até minha bocetinha rosada. Ele fez um oral maravilhoso em mim, me fazendo ficar louca.

— Minha vez. — Falei, e o joguei na cama. Fiquei entre suas pernas e comecei a fazer um boquete.

Seu pau era grande e grosso, estava todo melado. Eu mal conseguia bota-lo todo na minha boca. Mas não posso negar, era realmente uma delícia.

Ouvi o gemer. Vinícius forçou minha cabeça para baixo, fazendo eu abrigar todo seu pau em minha boca.

— Sua putinha, me mame!

Depois de mais alguns minutos naquele boquete, ele afastou minha cabeça e me botou deitada na cama.

Ficou por cima de mim, e sem avisar enfiou seu pênis grande em minha vagina, me fazendo chorar de dor. Deferiu um tapa no meu rosto e outro na minha bunda.

— Vinícius! Aah! — Gritei.

— Você agora é só minha, sua vadia, geme pra mim. — Falou ele fazendo movimentos rápidos de vai e vem.

Ambos estávamos suados. Eu sentia meu ápice prestes a chegar. Em alguns segundos, gozei em seu pau.

— Hum! A putinha gozou. — Disse ele sorrindo maliciosamente.

Deu mais algumas estocadas em mim e depois tirou seu pau. Ajoelhei na sua frente e masturbei-o. Em poucos segundos, engoli todo o jato de porra.

Deitamos na cama cansados. Eu estava exausta e acabado.

— Obrigado por animar minha festa. — Falou ele.

Contos relacionados

Primeira Vez A Cinco

Primeira vez a cinco Eu me considero uma mulher bonita, sou loura, olhos azuis, magra, alta, enfim, costumo chamar bastante a atenção por onde passo. No entanto, na época em que aconteceu o que irei contar eu estava com a auto estima em baixa,...

A Aeromoça Que Virou Puta

Maria Clara é comissária de bordo, separada, tem um filho e sempre foi uma pessoa recatada, conservadora de criação bastante rígida. Conhecia-a há cerca de 2 anos e começamos a trocar ideias a distância, até que ela me mandou um vídeo caseiro, onde...

Um Carnaval Inesquecível !

Um Carnaval inesquecível ! Bom, me chamo Débora. Poucas pessoas sabem de minha opção sexual, poucas mesmo, mas algumas desconfiam. Só que procuro ser bem discreta e não chamar muita atenção. O que aconteceu comigo foi mais ou menos assim .....

Entrei No Sex Shop E Gozei Pra Vendedora

Entrei no sex shop e gozei pra vendedora EU ENTREI EM UMA LOJA DE SEX SHOP PRA MATAR CURIOSIDADE MAS A VENDEDORA ERA SAFADA, E ME MOSTRO UNS BRNQUEDOS EXEMPLO , UMA VAGINA DE BORRACHA, ELA ME DEIXOU NA MÃO E FOI ATENDRR O TELEFONE EU COMO SOU MEIO...

Me Pegaram De Surpresa

Já era tarde da noite, Depois de uma balada, muita bebida, muita gente bonita, voltava pra casa, mas sem pegar ninguém. Resolvi parar pra comer num trailer no caminho de casa. Acho que o álcool estava ainda fazendo efeito, nem reparei nas pessoas que...

Iniciação Da Cadela Gorda

Iniciação da cadela gorda A minha história aconteceu em 2015, quando conheci uma jovem de 33 anos, na net, que mora no Estado de SP, casada. Conheci na Sala de BP SM. Ela tem 170h, 102kg, cabelos longos nas costas, morena. Ela gostou da forma como a...