Um Carnaval Inesquecível !

Um Carnaval inesquecível !

Bom, me chamo Débora. Poucas pessoas sabem de minha opção sexual, poucas mesmo, mas algumas desconfiam. Só que procuro ser bem discreta e não chamar muita atenção. O que aconteceu comigo foi mais ou menos assim .. foi numa noite de carnaval, pra falar a verdade, na última noite de carnaval. Eu estava com meu namorado (sou bissexual), mas mesmo assim, não deixava de olhar as gatas da noite. Foi quando uma “amiga” minha chegou e me comprimentou na mesa em que nos encontrávamos, e me chamou pra dançar. Logo, disse que estávamos dando um tempo alí na mesa e quando tivesse mais cheio de gente, iríamos pro meio da galera. Eu alí sentada, tomando, de repente me deu uma enorme vontade de ir ao banheiro, fui .. e ao sair, essa minha “amiga” e uma outra estavam vindo. Conversamos, e ao me “despedir” pra voltar a mesa, fui dar um beijo no rosto dela e niss ela se virou. Foi alí o nosso primeiro beijo! Ela ficou meio sem graça, mas eu sabia que ela estava querendo mais, bem mais! rsrs

Depois daquele beijo, eu também queria mais daquela boca, daquele corpo (aliás, ela tem um corpo malhado, pernas torneadas, bumbum durinho, peitos siliconados, abdomem definidinho e uma boca maravilhosa). No decorrer da festa, trocávamos olhares e trombávamos uma na outra, de propósito. Ela sempre me atentava, dizendo que eu não tinha coragem, que ela estava a minha disposição, bastava eu querer. Bem que eu tentei me conter, mas a tentação era demais!Nisso, quando ela se aproximou mais uma vez, me dizendo que era só eu querer que a teria, agarrei-a pelo braço e a levei ao banheiro. Por sorte, não havia ninguém lá dentro! A puchei pra dentro, grudei em seu cabelo e a imprensei contra a porta, para que ninguém entrasse. Começamos alí uma loucura, onde ela me pedia pra que eu a satisfazesse e a fizesse gozar. Puchei sua blusa de alcinha e pude sentir os peitos siliconados muito gostosos em minha boca; quanto mais eu chupava, mais ela queria. O cheiro do perfume dela me deixava mais louca ainda, e ver ela se contorcendo todinha me deixava pirada!

Mas, decidimos parar (pelo menos por enquanto), pois era um banheiro e banheiros tem gente toda hora querendo entrar..

Ela me fez prometer que eu a faria gozar, e que era só eu chamar que voltaríamos no mesmo local!

Saímos, de mãos dadas, como se nada tivesse acontecido, porque acima de tudo, ainda éramos amigas!

Voltamos a festa, tudo normal (normal nada, eu queria mais daquela tentação maravilhosa), dançávamos, trocas de olhares, e foi quando eu não resisti e a puchei mais uma vez pro banheiro .. dessa vez foi melhor ainda, mais quente! Ela levantou meu vestido, chupando minha bucetinha molhadinha, quase me fazendo gozar.. quando eu não aguentava mais, disse que era a vez dela ser chupada. Quando eu ia desabotoar os botões de seu micro-short, bateram a porta. Tivemos de sair, loucas de desejo!

Voltamos a festa, e dessa vez eu senti que ela havia contado pra amiga dela que havíamos ficado. A amiga dela chegou em mim, como se quisesse alguma coisa.. Dessa vez foi a amiga dela quem me chamou pra irmos ao banheiro! Eu fui, mas não sabia da surpresa qe me esperava..

Chegando lá, ela me perguntou se estava bonita. Respondi que sim, estava ótima.. era uma loira, cabelos compridos, médio porte, olhos verdes.. uma loirinha até gostosa! rsrs

Ela se aproximou de mim, até que não aguentei e dei um beijo nela. Foi um beijo bom, só que não passou de beijo.. deu a perceber que era a primeira vez dela com uma garota!

E quanto a mim e a outra “amiga”, ficamos outras várias vezes, nos chupamos, enfim, só que essa já é uma outra história. COnto pra vocês em uma próxima oportunidade! Beijo galera.. ;

Contos relacionados

Confidencia Entre Amigos video video video

Ela nunca havia enxergado atravôs do meu olhar de paixão, nos conhec?amos a anos e me doça ouvir as suas confidencias mas, ela me tinha como seu leal amigo e me contava detalhes da sua intimidade, detalhes que me deixavam excitado ou cheio de desejo, morto...

Enteada não ? Sobrinha

Não via o meu irmão desde que eu me mudei para Floripa, raramente nos falávamos por telefone e foi uma grande surpresa quando ele me ligou dizendo que estava me aguardando na frente da minha casa. Depois da separação eu havia optado por viver só já ele...

Transei No Estacionamento Com A Esposa

Ola pessoal estive ausente por um tempo por estar revendo uma forma de me retratar com os meus leitores, com novas aventuras. Quero confessar que fiz grandes amizades com vários leitores de todo Brasil, alguns me marcaram com seus elogios e comentários. ...

Sexo no flat

No reinício do nosso relacionamento começamos a freqüentar festas e clubes de swing. Até aí nada de novo. O que eu percebi é que ela nunca perdia a viagem. Mesmo se não conhecêssemos pessoas legais nas festas, ela sempre arranjava algum cara pra...

Da Janela à Cama

Da Janela à cama Férias, sinônimo de festas, bebedeiras e noites escaldantes - em todos os sentidos imagináveis. Na verdade, eram as últimas semanas das minhas preciosas férias, últimos dias em que iria me revirar até o meio dia na cama....

A Volta Da Praia

A volta da praia Eu tinha que subir para São Paulo no domingo porque o trabalho tem que continuar. O max pediu se podia pegar uma carona comigo porque tinha acabado de saber que seu nome estava na lista de chamada para a Faculdade de Comunicações...