Uma Noite De Estudo Com A Ex-namorada

A minha ex-namorada, Fernanda, com o namorado actual, o Rui, um amigo comum, o Victor, e eu cursávamos engenharia e combinámos um dia de estudo em conjunto. A Fernanda era loira, linda, e tinha um corpo maravilhoso. Gostava de sexo mas nunca me deixou comer o rabo porque tenho um pénis bem grosso e ela nunca tinha experimentado.

Durante as pausas do estudo íamos bebendo e começámos a ficar toldados. O Rui e a Fernanda beijavam-se e começaram a acariciar-se de forma ousada e fizémos uma pausa nos estudos. Disse ao Rui que podia ir com a Fernanda para o quarto e continuaríamos mais tarde. Eles retiraram-se mas passados uns minutos voltaram dizendo que era injusto eles terem aventura e nós não. Respondi que não iria ?brincar? com o Victor por isso era a única solução. A Fernanda disse que há sempre mais que uma solução, afinal éramos estudantes de engenharia. Começou a tirar a roupa e disse-nos para fazermos o mesmo. Olhando aquele corpo maravilhoso, nem hesitei e em minutos estávamos completamente nús. Pude constatar que o Rui tinha um pau médio e o Victor tinha um pau mesmo pequeno. Já não me lembro da conversa mas a Fernanda acabou por dizer que não se importava de dar o rabo se quem a penetrasse também fosse penetrado pelo outro. O Rui disse logo que, como namorado, ficaria na parte da frente e que eu me entendesse com o Victor. Entretanto deitou-se e a Fernanda montou sobre ele, empinando o rabo. O Victor olhou para a grossura do meu pau e disse logo que não queria ser penetrado mas que não se importava de me penetrar. Não me apetecia nada ter o rabo penetrado mas ela desafiava-me: Não querias o meu rabo? Aproveita agora ou nunca o terás.

Não sei o que me passou pela cabeça. Disse ao Rui para a segurar bem, encostei o pau na entrada do seu rabo e penetrei-a com força fazendo-a chorar e gritar. Ela tentou fugir mas não conseguia. Depois o Victor veio e penetrou-me também. Doeu como o caraças, apesar dele ter o pau menor, senti as minhas pregas rasgarem e gritei bem alto. Tentei fugir mas eles agarraram-me e tive que aguentar. Felizmente o Victor demorou dez minutos a terminar mas deixou-me o rabo a arder de tal forma que durante dois dias não me sentei direito.

A Fernanda ficou com o rabo todo arrombado mas no mês seguinte apareceu no meu apartamento e voltou para mim e quer repetir mas com o Victor.

Contos relacionados

Apostando A Mãe

Apostando a Mãe Quem é filho de mãe gostosa, com certeza já deve ter visto e até ficado puto, com os caras na rua falando coisas pra ela ou quando você percebia que aquele cara, parado do lado dela no supermercado, não tinha as melhores...

Mudança Fudida

Mudança fudida Meu nome é carla (ficticio).Me mudei com meus pais para um prédio ,ele era bonito ,tem estilo um mini jardim ,picina etc.. Na época fazia muito calor no dia,eu estava com uma regata branca colada,e um shortinho (e ainda...

Eu E A Africana

Oi gente sou nova aqui, meu nome é PAULA tenho 19 anos sou parda, 1,67 de altura , 55 k. Belos seios sou gostosa rsrs nao vim contar nada so vou elogiar todos os contos q sao d+mais amei fiquei molhada, me masturbei com vontade tava cheia de tesao tanto q...

Iniciando Em Brasilia

INICIANTES NAS ARTES ? BRASILIA DF Este fato ocorreu a um tempo já passado, mas gostei muito da experiência. Era uma terça feira de carnaval e eu como gosto de viver momentos de sensualidade e cumplicidade fui a uma casa de swing que existe...

?papai Gosta Dela Peluda

                     papai gosta dela peluda Conto enviado por:Mayara Nascimento Não sou uma mulher perfeita fisicamente,nem muito exótica como as que vejo descritas em todos os contos que leio, como se fossem uma...

Acordando Com O Meu Namorado

O meu namorado e eu temos uma relação bastante permissiva no que se refere aos nossos corpos. Estamos autorizados a fazer sexo até mesmo quando o outro está bêbado ou, por que não?, dormindo. Por exemplo, gosto muito de como ele me acorda nas manhãs em...